Polímeros responsáveis, desde a produção à transformação

A nossa ambição: sermos a maior empresa de energia responsável. Para tal, integrámos o desafio das alterações climáticas na nossa estratégia em toda a nossa cadeia de valores: exploração, produção, distribuição e transformação dos recursos energéticos. Assim, inovamos constantemente para melhorar a pegada de carbono dos polímeros, mais vulgarmente designados plásticos, que produzimos a partir do petróleo e do gás natural. Saem das nossas fábricas sob a forma de pós ou granulados brancos, e são utilizados no fabrico de inúmeros produtos do dia-a-dia.

  • Central Proof Polymères 1 PT-AN

    Na fábrica de polímeros de Ningbo, na China, produzimos polistireno.

  • Central Proof Polymères 2 PT-AN

    O polistireno produzido em Ningbo é apresentado sob a forma de granulados brancos.

  • Central Proof Polymères 3 PT-AN

    Os polímeros são utilizados no fabrico de inúmeros produtos do dia-a-dia, aqui uma cápsula para um recipiente de lacticínio.

  • Central Proof Polymères 4 PT-AN

    O polipropileno é um polímero utilizado nomeadamente no fabrico de embalagens para alimentos.

  • Central Proof Polymères 5 PT-AN

    O polietileno metaloceno permite tornar mais leves certas peças dos automóveis.
    Nesta imagem, um depósito para uma moto BMW.

  • Central Proof Polymères 6 PT-AN

    No nosso centro de investigação de Feluy, na Bélgica, a Total inova nos polímeros.

Seguinte Prev
  • Central Proof Polymères 1 PT-AN
  • Central Proof Polymères 2 PT-AN
  • Central Proof Polymères 3 PT-AN
  • Central Proof Polymères 4 PT-AN
  • Central Proof Polymères 5 PT-AN
  • Central Proof Polymères 6 PT-AN

Um desempenho ambiental transmitido aos nossos clientes

O nosso Grupo fornece aos industriais do mundo inteiro polímeros destinados a aplicações tão variadas como embalagens de produtos alimentares, capas para telemóveis, pára-choques para automóveis ou solas de calçado de corrida. Estes polímeros estão presentes no nosso quotidiano, razão pela qual as equipas dos nossos três centros de investigação na Bélgica, França e nos Estados Unidos inovam continuamente tendo em vista a melhoria das suas propriedades intrínsecas (resistência, estanqueidade, longevidade), reduzindo ao mesmo tempo a energia necessária à sua produção, bem como o seu impacto no ambiente.

É isso o que sucede nomeadamente com a nossa película de polipropileno Lumicène Supertough® utilizada na indústria alimentar para embalagens, na indústria agrícola para a protecção das colheitas em estufas e, nos transportes, na fixação das paletes de mercadorias. Comparando com uma película de etileno normal, é muito mais fina ao mesmo tempo que mantém a resistência, o que permite poupar 30% de matéria-prima, reduzindo na mesma proporção o consumo de energia e as emissões de CO2.

Outro exemplo, na indústria automóvel, em média, 20% das peças de um veículo são produzidos com plástico (painel de instrumentos, pára-choques, assentos…). É por esse motivo que desenvolvemos polímeros para peças mais leves, cumprindo ao mesmo tempo requisitos técnicos e regulamentares particularmente exigentes. O peso dos veículos é assim diminuído, o que leva a uma redução do consumo de combustível e, consequentemente, das emissões de gases com efeito de estufa.

Actualmente, existem 20 referências dos nossos polímeros no mundo com o selo Total Ecosolutions graças ao seu desempenho ambiental (incluindo os aspectos relacionados com a saúde), que é significativamente superior aos padrões do mercado no que respeita ao seu ciclo de vida total.

Um compromisso responsável hoje, e para amanhã

Na nossa acção em prol do ambiente, preocupamo-nos também com o que acontece aos plásticos após a sua utilização. Neste aspecto, as mulheres e os homens da Total inovam desde há vários anos. Em Agosto de 2016, na Bélgica, anunciámos o lançamento de uma gama de películas de polietileno que utiliza 25 a 50% de plásticos reciclados. Graças à mesma, ao longo de 2017, 20.000 toneladas de plásticos reciclados encontrarão o caminho de uma segunda vida.

Estamos também empenhados na produção de biopolímeros produzidos a partir de ácido láctico e láctido. Em Novembro de 2016, criámos uma joint-venture com a empresa Corbion, dos Países Baixos, para construir na Tailândia uma fábrica com capacidade para produzir 75.000 toneladas por ano de biopolímeros de origem 100% renovável e biodegradáveis.

Estamos igualmente a trabalhar para reduzir a pegada ecológica das nossas infra-estruturas. Assinámos a carta Responsible Care®, que nos compromete perante as nossas infra-estruturas de petroquímica, sem excepções e a nível mundial, numa gestão segura e duradoura dos produtos químicos ao longo de todo o seu ciclo de vida. Participamos ainda na operação Clean Sweep®, iniciativa do World Plastics Council que visa eliminar os resíduos industriais de matérias plásticas dos cursos de água e dos oceanos.

Assim, procuramos constantemente melhorar a pegada ecológica dos plásticos, uma vez que a sua utilidade, hoje em dia incontestável, só será mantida se houver um consumo responsável à escala mundial.

Partilhe este projecto

MAIS SOBRE A TOTAL

Total Polímeros

Descubra o site dedicado aos polímeros (em Inglês)

Saber mais